Search
Säcke Historie

A história do AEROSIL®

A escassez de matérias-primas e recursos em nosso planeta há décadas tem sido tópico de exaltados debates. Especialmente o “ouro negro” inspirou muitos a se tornarem pesquisadores ativos. Os pesquisadores da antiga Degussa, atual Evonik Industries, também estavam entusiasmados com a ideia de um dia encontrar um substituto para o petróleo. É por isso que, em 1941, eles começaram a desenvolver uma carga branca para a indústria de pneus como substituto do negro de fumo industrial que, até então, só podia ser produzido a partir do petróleo. Meros doze meses depois, tendo criado uma hidrólise de chama de alta temperatura, eles conseguiram produzir a primeira sílica pirogênica de partícula ultrafina. A visão deles se tornou realidade e a marca conhecida como AEROSIL® nascia ali.
Essa história de sucesso seguiu seu curso. Em 1966, com a construção da fábrica da Nippon Aerosil, em Yokkaichi (Japão), conquistou-se uma posição importante na Ásia. Em 1976, o mesmo passo foi dado no Ocidente quando começou a produção de AEROSIL® na nova fábrica da Degussa em Mobile (Alabama, EUA).
Mais de 70 anos de experiência, desenvolvimento e pesquisa transformaram o AEROSIL® de hoje na marca de uso mais frequente para a criação, modificação e caracterização de efeitos superficiais.
Marcos
  • 1941: Desenvolvimento da hidrólise de alta temperatura para a produção de sílica pirogênica
  • 1942: Desenvolvimento do primeiro processo de produção industrial, em Rheinfelden, rendendo a primeira patente à empresa
  • 1943: Registro do AEROSIL® como marca comercial da sílica pirogênica da Degussa
  • 1953: Produção de óxidos de alumínio pelo método AEROSIL®
  • 1954: Produção de óxidos de titânio pirogênicos
  • 1963: Produção comercial dos primeiros tipos hidrofóbicos, AEROSIL® R 972 e AEROSIL® R 974
  • 1964: Comercialização da primeira dispersão AEROSIL®
  • 1966: Estabelecimento da Nippon Aerosil Co., uma joint venture com a atual Mitsubishi Materials Corp., em Tóquio (Japão).
  • 1970: Início da produção em Antuérpia (Bélgica)
  • 1976: Início da produção de AEROSIL® em Mobile (AL, EUA)
  • 1986: Desenvolvimento de uma tecnologia química pós-tratamento adicional; conclusão do método de hidrofobização. Lançamento dos graus AEROSIL® R 805, R 812 e R 202
  • 1992: Lançamento do primeiro produto hidrofóbico com modificação de estrutura, AEROSIL® R 8200. Primeiro local de produção totalmente integrado para o AEROSIL®, em Waterford (NY, EUA)
  • 2002: Abertura oficial de outras unidades de produção integradas, em Leverkusen (Alemanha) e Roussillon (França).
  • 2007: AEROSIL® é aprovado para uso em alimentos.
  • 2009: AEROSIL® agora está disponível em forma de grânulos com aprovação farmacêutica.
  • 2014: A Evonik aumenta sua capacidade de produção de sílica pirogênica AEROSIL® com tratamento superficial.